Skip to main content

O primeiro dia.

Existem algumas situações que um pai de menina deve estar presente, para mostrar à filhota que ela pode contar com ele pro que der e vier.

Um desses momentos é o primeiro dia de aula na escola nova. Pra criança, é uma etapa que tá começando, um desafio que precisa ser vencido. E nada melhor do que ter o pai ao lado pra ela se sentir segura e encarar essa nova jornada tranquilamente.

E lá fomos nós. Ela tava empolgadaça. Uniforme novo, mochila nova, lancheira nova. Eu tava felizão. Afinal, minha pequenininha tá crescendo e virando uma mocinha linda.

Quando chegamos na porta da escola, pensa que ela chiou? Que nada. Ficou maluca pra entrar, conhecer a professora e os pestinhas (…) quer dizer, amiguinhos de classe.

Quase não deu tempo de tirar essa foto aí de baixo com a diretora, tamanha a euforia.

Aí ela entrou. E eu? Bom, eu fiquei por alguns segundos parado, só admirando a Manoela toda sorridente, se enturmando com as meninas e subindo pela escadaria.

Nessa hora veio aquela sensação de dever cumprido que fez uma gota de suor masculino rolar por um dos meus olhos.

Foi aí que eu percebi que, quando a filhinha entra pro Ensino Fundamental (na minha época era Primário), uma nova etapa tá começando e um novo desafio precisa ser vencido. Só que por mim. Porque ela tá tirando tudo isso de letra.

escola

Comentários

comentário(s)

Maurício Pedroso

Sofredor 4.1, publicitário, Tricolor de Coração (Deus no céu e Fluminense na terra) e pai da Manoela.